Skip to content
26/08/2007 / Thiago

Menos Outra!

Depois de fazer a prova LPIC-201 me aventurei a realizar a CCNA 640-801. E pensei que essa seria tão “fácil” quanto à LPI. Engano o meu. Realmente a certificação Cisco tem maior peso no mercado não apenas pelo próprio nome da empresa a qual ela representa, como pela seriedade da prova. Conto abaixo como foram minhas experiências em mais nessa certificação.

Quem fez outras certificações, como eu, tem alguma experiência no software de testes da Pearson VUE. Acho que esse foi meu maior engano. O software é flexível o suficiente para tornar bem diferente a experiência de uma certificação Cisco e uma certificação LPI. Para início de conversa, o tempo disponível para a prova realmente é curto! São sofridos 70 minutos, sendo que não temos nem dois minutos para cada questão. Podem achar que 2 minutos é muito para quem realmente estudou bastante. Mas, imaginem que existem questões que são simuladores de situações reais, onde devemos realizar uma configuração minuciosa de um ambiente, de maneira que ele funcione.

Foram 49 itens, dentre quatro tipos de questões: múltipla escolha (uma resposta correta), múltiplas escolhas (várias respostas corretas), relacionar itens e simulação. Explico melhor abaixo cada um dos tipos de questões:

  • Múltipla Escolha – Questões em que apenas uma alternativa pode ser assinalada.
  • Múltiplas Escolhas – Questões em que uma ou várias alternativas podem ser assinaladas. No enunciado da questão pode haver uma declaração de quantas opções devem ser marcadas ou não. Foi o tipo de questão que mais foi utilizada em minha prova.
  • Relacionar Itens – Questões em que os itens de uma coluna devem ser correspondidos com os itens de outra coluna. Não necessariamente todos os itens terão correspondentes.
  • Simulação – Questão mais complexa de todas sem dúvida. Será apresentado uma topologia de rede que apresenta algum problema a ser solucionado. Durante a simulação o uso de ferramentas de testes de conectividade, como o comando ping ou telnet. No entanto, o help do IOS fica mais simplificado, dificultando a vida de quem lembra “mais ou menos” o comando que tinha que digitar. Tive que resolver uma única simulação, mas existe a possibilidade de ser cobrada até três simulações diferentes.

Dúvidas nos tipos de questões? Não é necessário se preocupar! Antes do início da prova haverá um pequeno tutorial para ensinar o candidato como serão os tipos de questões, com a possibilidade de praticar um pouco. O tempo gasto antes no tutorial não será computado do mesmo para a realização da prova.

Já comentei que é praticamente uma maratona para o início da prova? Além do tutorial que acabei de dizer, temos que responder vários outros questionários, com perguntas desnecessárias como “Qual o nome do livro que utilizou em seus estudos?” ou “Você era aluno do NetAcademy?”.

Ao contrário do que fui informado, durante o exame NÃO é possível voltar nas questões anteriores. Sendo assim, respondeu certo ou errado é “avançar sem olhar para trás”, o que dificulta a vida de pessoas como eu, que gosta de responder as “fáceis” e deixar as “difíceis” para depois.

Mas vamos nos focar um pouco agora no conteúdo abordado. Querem saber o que mais foi cobrado? Roteamento IP! Realmente vale a pena estudar os quatro protocolos de roteamento que são cobrados: RIP, IGRP, OSPF e EIGRP. E acreditem, IGRP, ao contrário do que escrevi anteriormente, pode cair, e muito!

Além desse conteúdo, também houveram muitas questões de STP e outras configurações inerentes aos switches, que foi meu ponto fraco na prova. Até o momento não tinha estudado tudo adequadamente, com apenas uma pequena revisão, mas foi o suficiente para “levar” na prova. Não tive tempo para publicar nada sobre o assunto por aqui.

Também comentei que o tempo foi curto? Devo ter deixado umas 6 a 8 questões em branco, já que não houve tempo para respondê-las. Bem que no final tentei responder o máximo que pude, mesmo sem ler o enunciado da questão, já que não existe penalidade por questões incorretas.

Fiz a prova no idioma Português, sendo que poderia ter optado por diversas outras, incluindo inglês, espanhol, francês, alemão, húngaro e japonês. Eu recomendo que as pessoas façam a prova na mesma língua do material que estudou. Apesar de ter utilizado um livro em Português, o autor colocou diversos termos em inglês, o que complicou minha vida, já que na prova estava tudo traduzido, e nem sempre com uma tradução literal.

Mas felizmente a pontuação foi positiva para mim: 862 pontos, sendo que são necessários 849 pontos para ser aprovado. Os pontos variam de 300 a 1000. A prova é dividia basicamente em quatro áreas: Planning and Designing, Implementation and Operation, Troubleshooting e Technology. É necessário que o candidato tenha uma pontuação mínima em cada uma dessas áreas para conseguir pontos suficientes para a aprovação.

Bem, dia 30 de agosto farei minha prova LPIC-202. Como estou com bastante tempo livre ultimamente, posso me dedicar exclusivamente a mais essa certificação. Me desejem boa prova!

Até mais!🙂

5 Comentários

Deixe um comentário
  1. Marilia Melo / ago 27 2007 3:29

    ” Até o momento não tinha estudo tudo adequadamente, …”

    Ate o momento nao tinha ESTUDADO tudo neh? vai estudar portugues mlk!!! =P

    me diz uma coisa, a prova foi em ingles ou portugues?

  2. ThigU / ago 27 2007 10:51

    Marilião,

    Acalme-se! Erros ocorrem como em todo texto! Já irei corrigí-lo, madame.

    Ah sim, a prova é em Português mesmo. Até pensei em fazê-la em Inglês, mas estava estudando com conteúdo em Português, o que poderia trazer alguma confusão no momento da prova.

    Vou incluir isso na publicação.

  3. guilherme / jan 31 2008 15:32

    Caro,

    Estou estudando para 101/102. Utilizo o VCE para realizar simulados e vi que você mencionou utilizar um software de teste da Person Vue. Gostaria que me informasse sobre tal software, se possível via e-mail.
    Grato.

  4. ThigU / jan 31 2008 16:47

    Olá Guilherme,

    Quando falei software de testes da VUE me referia ao software utilizado para aplicar a prova da certificação propriamente dita. O que me deixou surpreso foi a possibilidade de questões além do convencional “múltipla escolha”. Existem questões com simulações completas de ambientes de redes onde temos que solucionar problemas. Se quiser saber mais detalhes, estou a disposição.

    Até mais!🙂

  5. Jaderson Diego / abr 25 2009 13:02

    So se pode voltar nas questoes quando voce marcou uma opção encima da prova chamada “Mark”, em cada questao da pra marcar, ai voce revisa depois

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: